O MINISTÉRIO PRESBITERAL: O PERIGO DO ATIVISMO E A SOLUÇÃO DE UMA VIDA VOLTADA À ESPIRITUALIDADE

Reginaldo Marcolino

Resumo


O presente artigo procura evidenciar a importância de o presbítero conhecer-se a si mesmo para poder ser um eficaz ajudador. Um dos perigos que o ser humano sofre em nossos dias é o ativismo, e o presbítero, situado neste mundo concreto, não está imune de ser surpreendido por tal mal; a possibilidade para sanar este grave perigo na vivência do ministério presbiteral é a busca de uma concisa espiritualidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.