Featured

Search our Site

|
Área do Professor
|
MANUAL DO ALUNO
Baixar em PDF


PESQUISA CIENTÍFICA NA ÁREA TEOLÓGICA: 
Utilizando recursos informacionais eletrônicos (Ana A. Gomes Grigolli)
Visualizar online   |   Baixar em PDF


PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA
Baixar em PDF 


GUIA DE NORMALIZAÇÃO PARA TRABALHOS ACADÊMICOS
Visualizar online   |   Baixar em PDF


ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO PROJETO DE PESQUISA E RELATÓRIO DE PESQUISA
Visualizar  online  |   Baixar em PDF


TERMINAL DE PESQUISA - MODO DE USAR
Visualizar  online  |   Baixar em PDF
As universidades e as faculdades com o ensino superior cumprem um grande papel no âmbito social, há previsibilidade na Constituição Brasileira, pois o artigo 207 diz que “As universidades (…) obedecerão ao princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão”.
Ensino, pesquisa e extensão constituem os três pilares básicos de uma universidade/faculdade e devem receber igualdade de tratamento por parte das instituições de ensino. As atividades de ensino e pesquisa são as mais conhecidas, já que ocorrem dentro do ambiente acadêmico, com todos os alunos tendo acesso a elas.
No caso, falamos de extensão universitária, que seriam todas as atividades promovidas por instituições de ensino superior destinadas à interação entre ela e a comunidade na qual está inserida, constituindo uma ponte permanente entre a universidade/faculdade e a sociedade. Elas ultrapassam o âmbito específico do ambiente acadêmico, sendo abertas ao público não universitário.
OBJETIVO
O objetivo principal das atividades de extensão é a troca de conhecimentos. Além de levar os conceitos e aprendizados desenvolvidos no ambiente acadêmico à comunidade não universitária, a instituição e, consequentemente, os alunos que participam desse tipo de atividade aprendem as necessidades, anseios, aspirações e saberes da comunidade, socializando e democratizando o conhecimento.
De maneira geral, as universidades têm um departamento específico para gestão das atividades e dos projetos de extensão universitária. Ali, os alunos podem obter informações sobre tudo que está sendo realizado pela instituição nesse sentido e, inclusive, candidatar-se para participar.
CRITÉRIOS
Todos os projetos de extensão universitária são coordenados e acompanhados por professores e profissionais das respectivas áreas do conhecimento a qual se destinam. Qualquer aluno da faculdade pode participar das atividades de extensão; dependendo do projeto, há, inclusive, a possibilidade de buscar uma bolsa-auxílio do governo (algo que a seu tempo, precisaremos viabilizar a partir da consolidação dos projetos desenvolvidos). Os pré-requisitos para se candidatar variam bastante e dependem de cada projeto.
ATIVIDADES
Entre as atividades de extensão universitária mais comuns estão cursos de formação, capacitação e qualificação abertos ao público, além da elaboração e administração de projetos sociais e ambientais articulados para a comunidade. Entre eles, podemos citar os mais pertinentes à nossa realidade:
• Cursos, palestras e conferências;
• Atividades de ensino a distância;
• Cursos de férias ou de verão;
• Colônia de férias;
• Apresentações culturais (teatro, musicais e feiras);
• Eventos esportivos;
• Atividade de cunho social em parceria com outras instituições.

Todas essas atividades promovem a interação da comunidade em geral com os alunos envolvidos nos projetos, permitindo que eles entendam e fundamentem os aprendizados obtidos em sala de aula na prática.
Outra função bastante importante das atividades de extensão universitária é a elaboração e articulação de políticas públicas, por meio da participação da comunidade em fóruns, consultorias e núcleos específicos de atuação. Essa é uma maneira extremamente eficiente de a universidade cumprir o seu papel, devolvendo à sociedade todo o conhecimento e pesquisa ali gerados de maneira aplicada.
BENEFÍCIOS AOS DISCENTES
É durante as atividades de extensão universitária que os alunos das mais diversas áreas do conhecimento (no nosso caso, filosofia e teologia), vão poder praticar o que aprenderam na universidade/faculdade, consolidando o aprendizado. Por isso, participar de um projeto de extensão permitirá que o aluno ganhe experiência em sua futura ‘profissão’, por meio da prestação de serviços à comunidade.
Além disso, os alunos conhecerão, de fato, as reais necessidades sociais relacionadas ao curso que está fazendo, ampliando imensamente seus horizontes. Dessa forma, saber-se-á exatamente do que as pessoas realmente precisam e no que o conhecimento acadêmico poderá ajudar no atendimento a essas necessidades. Essa experiência poderá ser extremamente útil e inspiradora se os alunos souberem aproveitá-la da melhor maneira.
Por fim, não se pode deixar de lado o extremo engrandecimento pessoal que alguns projetos de extensão podem proporcionar. Ao trabalhar com crianças ou pessoas carentes, por exemplo, os alunos poderão descobrir valores que nem desconfiava que tinha. Além disso, a sensação de estar ajudando o próximo e retornando à sociedade tudo o que se aprende na universidade/faculdade é indescritível.
Um dos principais objetivos da extensão universitária é justamente preparar melhor os profissionais para atenderem às demandas da sociedade, complementando sua formação por meio da possibilidade de união do ensino acadêmico com aplicação prática. Além do mais, os projetos desenvolvidos contarão como horas de estágio nas atividades complementares.
PROJETOS EM ANDAMENTO NA FAJOPA

1. Projeto Sócio Educativo: “Amor de Pai”
- segundas-feiras: 8h às 9h15 e das 9h15 às 10h30;
- quartas-feiras: 8h às 9h15 e das 9h15 às 10h30;
- local: Patronato (Paróquia Santa Isabel – Marília);
Aluno responsável: Mateus Ragazzi do Prado

2. Projeto – Curso de Extensão – Língua Inglesa
- Agosto a Novembro (4 meses): fala, áudio, leitura, escuta e memorização
- local: FAJOPA
Aluno responsável: Jean Júnior Aguiar

3. Projeto – Momento Filosófico
- Reflexões filosóficas inseridas no cotidiano das pessoas através dos meios de comunicação (redes sociais e rádios (das dioceses));
- inscrições e envio de textos: 07/10 a 18/10
- divulgação dos textos selecionados: 26/10
- gravações: 28/10 a 28/11 (FAJOPA)
Alunos responsáveis: Renan Moreira Garcia e Gabriel Henrique Fantinati

4. Projeto – Momento Teológico
- Reflexões teológicas inseridas no cotidiano das pessoas através dos meios de comunicação (redes sociais e rádios (das dioceses));
- inscrições e envio de textos: 07/10 a 18/10
- divulgação dos textos selecionados: 26/10
- gravações: 28/10 a 28/11 (FAJOPA)
Aluno responsável: Igor Luís Nozabielli Luchetti

5. PROJETO – MONITORIA DE ARTES
- aulas técnicas de desenho artístico, perspectivas, desenhos geométricos, proporções, desenho de observação, etc;
- aulas práticas para aprendizado das técnicas de nanquim, aquarela, guache, carvão, xilogravura, calcogravura, litogravura, gesso, argila, arame e outras;
- quartas-feiras: 19h30 às 21h30 – FAJOPA
Aluno responsável: Danrley Gabriel Alves

6. JORNAL ELETRÔNICO “FIDES ET RATIO”
- o objetivo será fomentar a divulgação dos trabalhos da comunidade acadêmica através de textos explicativos, bem como com vídeos (alunos e professores da FAJOPA);
- a divulgação acontecerá em plataforma virtual por meio do site da instituição e de redes sociais;
- inscrições: 21/10 a 01/11
- divulgação dos textos selecionados: 08/11
- gravações: 11/11 a 29/11
- publicações mensais conforme a demanda de materiais (FAJOPA)
Aluno responsável: Rafael Lopes da Silva

7. PROJETO “MUSICANTO”
- fomentar a musicalidade em meio a comunidade (técnica vocal, ensaios e apresentação da música como atividade de aplicação);
- duração: 1 ano
- Início: 21/10/2019
- Término: 01/11/2020
- segundas-feiras (intercalando de 15 em 15 dias): 20h (FAJOPA)
Alunos responsáveis: Breno Guilherme Bezerra Rodrigues, Josino Junior Nunes de Souza e Roberto Holgado de Rezende.

Professor Responsável pelos projetos de extensão: Me. Reginaldo Marcolino
Contato: secretaria@fajopa.edu.br - (14) 3414-1965 - Sede: Rua Bartolomeu de Gusmão, 531 - São Miguel - CEP 17506-280 - Marília - SP